domingo, 12 de junho de 2011

Apresentação da Cerveja de Mont de Cats

No dia 09.06.11 foi realizada uma conferência de imprensa pela abadia trapista francesa de Mont de Cats em que foi apresentada a nova cerveja que leva o logo desta abadia. Nesta conferência foi esclarecido que a abadia de Mont de Cats não pretende, em um futuro próximo, construir uma cervejaria dentro da abadia devido aos altos investimentos necessários. Sendo assim, a cerveja de Monts de Cats será produzida pela cervejaria Chimay ao menos pelos próximos cinco anos. A distribuição da cerveja será realizada na França e na Bélgica por distribuidores regionais e a cerveja não deverá ser encontrada em grandes supermercados. A cerveja, segundo informações divulgadas na conferência de imprensa e pelas pessoas que a degustaram, se assemelha a Chimay Rouge, com um final um pouco mais amargo. A cerveja deverá receber o logotipo de produto trapista autêntico apenas após uma ano de seu lançamento oficial.

Abaixo o vídeo oficial da conferência de imprensa.


Santé!

terça-feira, 7 de junho de 2011

Trapistas - Novas cervejas a caminho.

Monges trapistas da Abadia de Mont des Cats, no norte da França pretendem lançar a oitava cerveja trapista do mundo ainda em 2011. A cerveja será a primeira trapista a ser fabricada na França.
A nova cerveja será lançada em uma coletiva de impressa em 09 de Junho. O público em geral deverá esperar até 16 de Junho para poder provar a novidade.
Ainda não está claro se a nova cerveja será clara ou escura, mas Mont des Cats poderá produzir diversas variedades, assim como os outros mosteiros.
Vários conhecedores de cerveja belga tiveram conhecimento do plano dos Monges. O Frades de Mont des Cats tiveram ajuda da Chimay, na Bélgica. Foram os belgas que desenvolveram uma nova receita especialmente para a Mont des Cats Abbey.
Inicialmente a cerveja será fabricada na Bélgica, mas a produção deve ser transferida para a França ainda neste ano.
Atualmente, há somente sete cervejas Trapistas: uma na Holanda : (La Trappe) e seis na Bélgica :(Chimay, Westvleteren, Westmalle, Orval, Achel e Rochefort.)
A cerveja terá ainda que atender algumas exigências: deverá ser fabricada em uma Abadia ou nas proximidades desta e parte dos lucros devem ser destinados a boas causas.
Alguns especialistas questionam se a Mont des Cats será agraciada com o selo trapista tão facilmente, mas vale lembrar que o queijo produzida na Abadia já ostenta o logotipo trapista.
Esperamos que ela chegue logo ao Brasil.

Santé !

Fonte: www.deredactie.be

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Fortuna Alt - Degustação

Esse é o resultado da Fortuna Alt que produzimos no início do mês de Maio, tema da nossa postagem anterior.
Como estamos com poucas garrafas disponíveis para o envaze, enchemos um Keg de 18 litros e estamos consumindo parte da produção da cerveja na pressão.
A apresentacão da cerveja ficou muito boa, com espuma de boa retenção, que deixa marcas no copo ao ser consumida. Por não ser filtrada apresenta corpo opaco e escuro, diferentemente das versões de Altbier produzidas em Düsseldorf.
No aroma, destaca-se um leve frutado, seguido de malte suave e agradável.
Sabor amargo e malte equilibrado, ameixas e caramelo bastante sutis.
Corpo médio, com carbonatação moderada, final seco com forte amargor de lúpulo persistente.
Para os apreciadores de cervejas amargas, a Altbier é uma excelente opção, uma cerveja leve, saborosa e muito fácil de beber.
O copo da foto acima, em formato cilíndrico como são os copos das Alts, mostra alguns pontos turísticos famosos de Düsseldorf. Entre eles a Schlossturm e a torre da igreja de St. Lambertus.

Prost !